segunda-feira, abril 16, 2007

Prorrogação da CPMF é um crime

Eu sei, o título do texto é um exagero, mas nada é mais exagerado do que o poder que a CPMF tem de engessar a economia brasileira. A contribuição provisória que parece ter se tornado permanente deveria terminar este ano, mas o governo Lula quer adiar o término de sua cobrança por mais quatros anos. E por que? Incompetência é claro.

Lula sabia do fim da cobrança e ao invés de diminuir despesas para estar preparado, durante seus quatro anos de governo só fez aumentar. Má administração. Se ele tão somente mantivesse as despesas como eram outrora, hoje poderíamos abolir a CPMF sem nenhum problema devido ao aumento de arrecadação.

O problema agora é maior ainda. Caso Lula consiga prorrogar a CPMF, o próximo presidente será obrigado a prorrogar também, pois Lula deixará de herança um Estado inchado e dependente da contribuição. Por isso essa é a hora de acabar com tal contribuição, o Brasil tem que aproveitar a maré internacional de otimismo financeira para ousar.

Se o fim da CPMF se concretizar, a economia agradecerá. Afinal de contas, você acha que o dinheiro que o governo lhe rouba com a CPMF é melhor aplicado pelo governo ou seria melhor aplicado por você?

5 comentários:

Patricio no Pilar disse...

thanks tiago... é isso aí !! obrigado pela visita... talvez seja mesmo o caso dos 3 terem vergonha de estar ao lado de ciro gomes...abs

CAntonio disse...

Caro Tiago,

Você subestimou o Lulla. Quem disse que teremos outro presidente?

Enfim, milagres acontecem.

SDS

Passarim disse...

Tiago,

O Brasil é o único país que a solução financeira provisoria, se torna definitiva e indispensável. O absurdo maior é que a CPMF foi criada para ajudar na Saúde e está servindo para fazer caixa, ou seja superavit orçamentário do Governo. Abs do Jarbas do Aparte.

Colombina disse...

O que pode ser feito na prática contra a CPMF? Abaixo assinado? Manifestação pública? Mandar e-mail pros legisladores? E-mail para o poder executivo? Parar de usar cheque? Talvez um pouco de tudo isso. Tudo que ninguém tem ânimo para seguir. E quanto menos pessoas reclamarem, quanto menos pessoas se envolverem e lutarem por seus direitos, mais a gente apanha desses poucos que deveriam trabalhar pensando na gente. Esse é o meu país.

Bravo disse...

Eu prefiro gastar esse valor, nem que esse dinheiro desse apenas pra tomar apenas mais UMA cerveja no fim do mês.

É meu dinheiro.