quinta-feira, setembro 28, 2006

Extraterrestres de Plutão

Quando Lula falou que somente forças extraterrestres impediriam ele de aprovar as reformas que ele gostaria de implementar ele não estava mentindo. Ele estava dando uma dica sobre o novo escandâlo do governo petistas: Sociedade Amigos de Plutão .

Pra quem não sabe a Sociedade Amigos de Plutão é uma ONG cujo objetivo é lutar pela reclassificação de Plutão como planeta pois o rebaixamento desse astro implica em um perigo de que algum dia a Terra possa ser rebaixada também. Parece até piada do Casseta & Planeta, mas não é, visto que esta ONG recebeu segundo o diário oficial, 7,5 milhões de reais do governo federal. É bom ressaltar que é dinheiro de nossos impostos.

Mas o pior vem por aqui: A ONG é composta de petistas, e possui 800 diretores (Pra que tanto?), cada um recebendo uma média salarial de 20 mil reais mensais. Repito novamente, dinheiro de nossos impostos. Assim, somente a divulgação desses estraterrestres é que poderão impedir Lula de aprovar as reformas, pois com isso ele não se elegerá!

Dossiê: PF encontra prova da ligação do PT com dinheiro

Após um dia de intensas buscas em casas de câmbio, bancos e instituições financeiras de São Paulo, a Polícia Federal encontrou a prova definitiva que liga o PT ao dinheiro - R$ 1,75 milhão - arrecadado pelo partido para pagar à família Vedoin pela compra e divulgação do dossiê anti-José Serra. A PF já tem os nomes de todos os envolvidos na operação de recolhimento do dinheiro - R$ 1,16 milhão e R$ 248,8 mil - e sua entrega em duas remessas aos petistas Gedimar Passos e Valdebran Padilha, que se encontravam hospedados no hotel Íbis, próximo ao aeroporto de Congonhas.

Leia mais em:http://br.news.yahoo.com/eleicoes/noticias/060927/25/198qy.html

domingo, setembro 24, 2006

Pergunta a Lula 1

Pergunta a ser feita a Lula no debate caso ele não fuja de novo. Postada por um participante da comunidade do Orkut Geraldo Alckmin Presidente.

"Qualquer pessoa com noção de administração , sabe que os frutos econômicos nunca são automáticos, assim todos os frutos no começo do seu mandato, são da administração anterior, então como seu partido afirmou que os números econômicos do começo do seu mandato era fruto de projetos seus? e que agora que é a hora e ver os frutos do seu mandato e que eles estão ruins vc afirma que é fruto do mandato anterior?"

sábado, setembro 23, 2006

Parabéns ao povo de Araraquara

A comitiva do presidente e candidato à reeleição Luiz Inácio Lula da Silva foi recebida com protesto na chegada ao comício na praça Pedro de Toledo, em Araraquara, interior de São Paulo. Um manifestante atirou ovos na van em que o candidato petista estava, na chegada ao palanque.
Seguranças da campanha e policiais militantes não conseguiram deter o manifestante.

sexta-feira, setembro 22, 2006

Partido mané, governo mané

A China nos enganou não votando na gente pro conselho de segurança da ONU, a Bolívia nos enganou confiscando as refinarias da Petrobrás, a Venezuela nos fez de otários no plano mundial, a Argentina conseguiu criar barreiras aos produtos brasileiros. Isso tudo é reflexo de uma política externa no mínimo burra, por isso, digo que o PT fez um governo mané.

Mané, porque o PT é um partido mané. A ultima deles é a compra de um dossiê que segundo a polícia federal não passa de um conjunto de asneiras sem valor. O tal dossiê é um conjunto de fotos e videos públicos que podem ser encontradas em camelôs por 500 reais, se pechinchar você consegue comprar por 200 reais.

Partido mané, de gente mané. Arrecadou quase dois milhões de reais de fontes excusas, enganados por Vedoim na ânsia de sabotar a candidatura de Serra e de Alckmin. E agora, o chefe máximo do partido continua dizendo que não sabia de nada. Partido mané, presidente mané. Mané, de onde veio essa fortuna?

quinta-feira, setembro 21, 2006

Traídos e traidores

Estranho esse partido dos trabalhadores. Um partido com alguns traídos e muitos traidores. Um partido em que os traídos não se sentem traídos, mandam cartinhas de amor e sobem nos palanques dos traidores. Quem acredita que os traídos não são os verdadadeiros traidores do povo é no mínimo ingênuo. Ou como diria Fernando Henrique, são os inocentes úteis, para que os traídos um dia tragam os traidores de volta para governo.

Ps1: O último traído foi Mercadante. Mas já tinham alguns deputados do próprio PT se cansando e reclamando que seria impossivel o subordinado de Mercadante agir sem seu consentimento.

Ps2: Ontem na TV Senado, os senadores petistas tentavam se defender e sentiam-se humilhados por terem como presidente uma pessoa que sugere à nação que fechem o congresso.

Quem será que são os traidos e os traidores?

terça-feira, setembro 19, 2006

Lula infringindo leis

Os folhetos contendo propaganda do governo e críticas à administração anterior, além das apontadas falhas referentes ao superfaturamento e ao sumiço dos exemplares, apresentam um vício bem pior: Violam frontamente o art. 47, parágrafo 1º, da Constituição Federal, que permite apenas publicidade oficial de caráter educativo, informativo e de orientação social, mas proíbe, expressamente, que dela constem símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridades. De imediato já se pode ver que a capa da malsinada publicação não contém os símbolos oficiais da República, mas sim a marca pessoal e específica do governo Lula, qual seja, a expressão "Brasil, um país de todos", sobre um fundo multicolorido. Além disso, somente quem acredita que ele não sabia de nada é que vai acreditar também que o conteúdo do texto e a finalidade de sua publicação não constituem pura e simples propaganda eleitoral do presidente-candidato. No mínimo, o Ministério Público deveria investigar a possível prática de ato de improbidade. Vai ser muito difícil para o presidente dizer que não sabia da existência de 5 milhões de exemplares publicados pela própria presidência.

Adilson Abreu Dallari é professor titular de direito administrativo da PUC-SP

sábado, setembro 16, 2006

IstoÉ perdendo credibilidade

A revista IstoÉ, cujo dono é Orestes Quércia, traz nesta semana uma denuncia do corruptor Darci Vedoin contra o ex-ministro da saúde José Serra. Vedoin, que em outros depoimentos da CPI dos sanguessugas e da policia federal afirmou veemente que José Serra não participara do esquema de corrupção, mudou de idéia e resolveu acusar o então candidato a governador de São Paulo.

Contudo a Polícia Federal descobriu mais um esquema de corrupção do partido dos trabalhadores. Paulo Roberto Dalcol Trevisan, sócio de Darci Vedoin, foi abordado pela Policia Federal quando encaminhava-se a São Paulo para receber um milhão e setecentos mil reais em dinheiro vivo de um conhecido militante petista, o senhor Valderan Padilha. Fica então a questão, o PT comprou a mudança de opinião de Vedoin? Esse dinheiro é proveniente da onde? A policia federal acredita que sim, ouve chantagem para a mudança de opinião e que esse dinheiro seja proveniente de caixa-dois.

Quem mais perde com essa situação? A revista IstoÉ que mais uma vez perde sua credibilidade com reportagens falsas. A ultima foi sobre as pesquisas falsas de Garotinho, que a revista Veja desmascarou. O PT não perde muito pois o eleitor petista já decidiu que bom mesmo é votar em corrupto.

quinta-feira, setembro 14, 2006

Não é pra perder o respeito?

Tenho um amigo que é petista cego. Ele sabe das falcatruas, sabe das roubalheiras, ele sabe que o pouco crescimento que o Brasil tem atingido não é mérito de Lula e sabe que o fato do governo não ter idéia do que fazer na economia é o que faz nosso crescimento ser aquém do crescimento global. Ele sabe que por causa de uma equipe econômica incompetente, Lula continua uma política econômica criada para momentos de crise internacional, num momento de bonança externo. Ele sabe sobre os cortes em investimento em saúde, educação, segurança no governo Lula, sabe do sucateamento das agências reguladoras. Sabe que o governo Lula não tem maioria para aprovar o orçamento, mas tem maioria para absolver os amigos mensaleiros. Sabe que o governo Lula tentou aprovar leis para instituir censura e punir jornalistas que falassem contra seus ideais autoritários.

Ele sabe de tudo isso, mas mesmo assim vai votar no Lula. Até agora fiquei me perguntando como ele poderia votar em Lula. Tentei muito convencê-lo do contrário, ou que pelo menos ele me apresentasse argumentos para que eu entendesse sua decisão de votar no apedeuta. Foi então que ele me deu um argumento.

Ele me mandou um e-mail anunciando que aquele que quer fazer concurso público deve votar em Lula, pois Alckmin vem anunciando que irá desinchar a máquina pública o que implicaria em parar de fazer contratações. Mesmo com Lula anunciando novo aumento de impostos no orçamento de 2007, esse meu amigo só está pensando na idéia de ganhar um empreguinho público para poder mamar nas tetas do governo. Ou seja, não importa o bem coletivo, o desinchamento estatal para dar eficiencia ao governo, o que importa é garantir a vida mesmo que isso custe ao Brasil mais atraso, mais miséria e mais cortes nas verbas dos serviços básicos. Não acham que é para perder o respeito em quem vota por esse motivo? Espero sinceramente que ele me dê algum outro pois esse é absurdo demais.

Esquerda no retrovisor

O que se chama de esquerda hoje? É o antiamericanismo e a antiglobalização e o Estado. Isso nunca foi esquerda nem aqui nem na China. Isso antigamente se chamava de populismo. Os países que tem uma esquerda mais consistente, que são o Uruguai e o Chile, não são assim. O contrário, o Uruguai quer fazer acordo direto com os EUA. Eles fizeram uma atualização do pensamento. O que não pode é ficar pensando com a cabeça no retrovisor, o olhar no retrovisor, no terceiro-mundismo, isso não funciona.

terça-feira, setembro 12, 2006

Álibi de criminoso da Máfia

O descumprimento da Lei Eleitoral que proíbe transferências de verbas da União para estados e Municípios no período de três meses que antecedem as eleições condena Lula a perda do registro.

Não será necessário um processo de impeachment se a Justiça Eleitoral aceitar a acusação, baseada num flagrante do Tribunal de Contas da União: O Governo Federal liberou R$ 10,8 milhões em julho para compra de ambulâncias e tratores em desacordo com a lei eleitoral. O TCU pediu providências ao Ministério Público Federal para denunciar o Presidente. O bloqueio dos gastos determinado pelo TCU atingiu a transferência de R$ 8,4 milhões do Ministério da Saúde para o Estado do Piauí. Houve ainda R$ 2,4 milhões transferidos pelo Ministério da Agricultura a 17 prefeituras de 11 Estados para compra de tratores. Todas as verbas são comprovadamente destinadas a aliciamento eleitoral conduzidos pela campanha da reeleição de Lula. Por muito menos, R$ 52,00, o ex-senador do Amapá, João Capiberibe, perdeu o mandato.

O PT porém acha que cometeu o crime perfeito: lembra que Lula recomendou aos ministros para não fazerem isso, mas foi desobedecido. Portanto, não tem culpa. Álibi de criminoso da Máfia.

segunda-feira, setembro 11, 2006

Marajás da previdência

Leia nesse texto uma análise sobre a necessidade da reforma da previdência e como as oposições ao governo Fernando Henrique se aproveitaram para enfraquecer o governo defendendo o direito de marajás no consumo do dinheiro de nossos impostos. O texto Marajás continuam na previdência mostra as jogadas de marketing utilizadas por Jandira Feghali e Eduardo Suplicy por exemplo que se aproveitaram da ignorância do povo sobre os reais efeitos da reforma para ganhar dividendos eleitorais. Vale a pena ler.

sábado, setembro 02, 2006

100 motivos para não votar em Lula

Foi disponibilizado na internet um texto com os 100 motivos para não votar em Lula. Importantissimo ler este artigo antes de decidir o seu voto. Leia, comente e expalhe. Falta apenas um mês para mudarmos o futuro do país.

sexta-feira, setembro 01, 2006

Em 2007 mais imposto

Apesar de Lula anunciar em seu programa eleitoral que reduzirá impostos em um segundo mandato, o orçamento que ele enviou ao congresso para 2007 prevê exatamente o contrário: Prevê o aumento da carga tributária para arcar com as consequências dos gastos eleitorais de 2006. Além disso, este orçamento também prevê um aumento abaixo da inflação para o salário mínimo, assim como fez nos três primeiros anos de governo, para só no ano de eleição reajustar de forma a este reajuste parecer alto, mas na realidade ser apenas a reposição da inflação nos três primeiros anos. E assim vai o governo Lula, um déspota enganando o povo, inchando a máquina administrativa e tendo de aumentar impostos para sustentá-la.