quinta-feira, agosto 03, 2006

Autoritarismo e o novo golpe

Primeiro ele tentou criar uma agência para censurar os meios de comunicação, a Ancinav. Depois quis criar um Tribunal da Inquisição Jornalística para punir jornalistas e comentaristas cujas matérias não estivessem de acordo com os critérios do governo federal, o tal CFJ. A gota dágua foi a declaração dele, na terceira inauguração da plataforma de petróleo P-52. Lula, traindo até mesmo seu partido mostrando, que para ele o PT foi só uma forma de chegar ao poder, declarou que a constituição deve ser revista, mas não pelo congresso, e sim por uma constituinte. Este afirmou que o congresso não tem autoridade moral para revisar a constiuição. E quem tem? Essa constituinte nomeada por ele? Assim como ele nomeou Palocci, Henrique Meirelles, Dirceu e Humberto Costa para seus colaboradores? Essa idéia de constituinte com certeza foi tirada de Hugo Chavez que hoje preside uma ditadura disfarçada na Venezuela.

7 comentários:

Ricardo disse...

Ô Chupisco, não viaja na maionese, meu filho,estude um pouco antes de publicar, fica feio.
O Congresso está totalmente desmoralizado, ou não?? Vc acha pertinente entregar para ele a tarefa de criar a regulamentação do sistema político brasileiro?? Não é mais legítimo, neste momento, entregar a tarefa para uma instância exclusiva, ELEITA (por mim, por vc), exclusivamente para, por exemplo, enquadrar partidos como este PMDB sem cara que está por aí?? Para instituir o voto distrital misto, com listas partidárias, que reduzam o poder dos coronéis locais?? Para varrer do mapa as legendas de aluguel?? Para normatizar as CPIs, para que elas não avancem sobre as cláusulas pétreas da Constituição?? Para acabar com o instituto da reeleição, tão caro (em todos os sentidos) aos tucanalhas?? Para acabar com o sistema de emendas parlamentares hoje vigente?? Para abolir o voto secreto no Congresso?? Você acha que o parlamento fará isso por conta própria?? RESPONDA.

Tiago Albineli Motta disse...

Com certeza você tem razão sobre o congresso estar desmoralizado. Mas ano quem vem teremos um novo congresso. Eleito por nós.

Será realmente necessário eleger dois congressos? Essa constituinte, será eleita também por nós. Achar que ela será diferente do governo de Lula ou do congresso é no minimo demagogia.

Essa medida que Lula quer tomar é baseada exclusivamente no que Chavez fez na Venezuela, e no que Morales quer fazer na Bolívia. Ou seja, alterar a constituição para travar a imprensa brasileira e diminuir os poderes do congresso.

O congresso, bem ou mal, é o que impede as aspirações absolutistas de Lula.

Respondido :) volte sempre.

Ricardo disse...

Aspirações absolutistas?? Controle de imprensa?? Meu deus, vc não conhece Minas Gerais. Não sabe o que o Aécio, do PSDB, tem feito por lá.
Seria uma ótima oportuniodade para qualificarmos a nossa representação. Acho a idéia boa, mas reconheço que teríamos de contar com o apoio da oposição, mas parece que a oposição não tem projeto, e resiste a qualquer idéia que represente mudança (pro bem do povo) de fato.

Tiago Albineli Motta disse...

A mudança que você diz que a oposição resiste é a mudança de volta ao passado. Volta ao governo Sarney.

O PT sim resistiu a mudanças. Ao plano real, às privatizações, aos programas de saúde e educação que tanto deram certo.

E agora, com tudo funcionando, pretendem quebrar o país e até mesmo promover uma "revolução" pra calar a boca daqueles que se opõe a eles. A tentativa de criar a Ancinav e a CFJ são provas de que tentaram retomar a censura no país.

Tentaram, mas graças ao congresso e a opinião pública não conseguiram. E agora, Lula quer revisar a constituição numa constituinte, para poder se perpetuar eternamente no poder. Para poder enfraquecer o congresso e tornar-se o unico poder. Quem sabe até criar o tal "poder moderador".

Autoritarismo e regressão, essa é a marca de Lula.

Ricardinho :)

Dora disse...

ESTE GOVERNO NÃO TEM PROGRAMA,NÃO TEM CRITÉRIO,NÃO TEM COMPETÊNCIA ADMINISTRATIVA...É UM TREM DESGOVERNADO.

Ricardo disse...

1) Sarney é ruim demais, vc tem razão. É o alto preço que se paga para ter governabilidade num sistema corrompido como o nosso. Lembro apenas que Sarney apoiou tb FHC etc. É este sistema que queremos reformar, com ou sem constituinte.

2) O PT resistiu à esculhambação de um programa mal conduzido, sem critérios claros, cheio de casos escabrosos e denunciados de corrupção grossa, como ilustra bem os casos do grampo no BNDES, o do Ricardo "No limite da responsabilidade" Sérgio, que fazia a arrecadacão de FHC, o financiamento pelo BNDES às transnacionais para que elas adquirissem o nosso patrimônio – além da vergonha maior de que os recursos arrecadados não apenas não reduziram a dívida pública como a fizeram aumentar. Um espanto!

3) Os programas que deram certo foram aceitos sim senhor. Agora, que o PT caiu numa onda de preconceito contra tudo que veio da turma da tucanalha, este fenômeno foi real, assim como suas motivações.

4) Tudo funcionando uma ova. FHC entregou a Lula um país em frangalhos DE FATO, não se trata de uma mitologia ou discurso de campanha. Os números do país naquela triste quadra de nossa história recente, são o resultado de muita incompetência e de ausência de projeto. O ícone desta incompetência, ilustro com o advento do APAGÃO. é ou é???

5) Ancinav e CFJ são estruturas que precisam existir, mas o governo errou (e reconheceu o erro publicamente, pois é capaz de fazer isso) ao "comprar barato" a proposta que veio das entidades de representação. Mas lembre-se: o governo que tomou a iniciativa de apresentar tomou também a de retirar os projetos. Mas continuo achando que precisamos de um conselho de jornalismo para estabelecer algum tipo de punição para o jornalismo mentiroso que hoje grassa por aí. Uma discussão, esta sim, censurada pela mídia, desculpe-me a expressão forte, "burguesa" (hehehehe!)

6) Sobre "perpetuar no poder" é bom limpar a boquinha antes de criticar Lula. Queria te conhecer em 1998, quando FHC comprou a mãe do Papa para poder "se perpetuar no poder" com o projeto da reeleição, que agora, na maior desfaçatez, reconhece ser um ERRO QUE O PT CANSOU DE DENUNCIAR!!! Em tempo. Lula e o PT são e continuam sendo contra a reeleição. O projeto para acabar com esta merda é de um senador do PT.

7) Progresso e um Brasil menos desigual, este é o projeto (e o resultado também) de poder de Lula.

Fraternalmente!

Tiago Albineli Motta disse...

O PT é contra a reeleição? Então porque não botou o Suplicy para tentar? Na verdade o PT não é contra a reeleição, ele foi contra qualquer medida que Itamar e FH propuseram. Inclusive as 4 medidas primordiais para estabilisar a economia.

Engraçado você estar contra Sarney, ele defende as mesmas coisas que o PT. Um modelo burocrático, estatizado, com governo gastando muito. O tal desenvolvimentismo que não deu certo em país algum do planeta.

Lula recebeu o governo num mar de rosas. Seu problema primordial foi o risco PT, pois os investidores tinham medo de que o PT fizesse aquilo que sempre se propôs a fazer.